13 de set de 2012

O curioso caso do "não curti"

Os leitores que me acompanham sabem que minha vaidade termina no fim da página, onde está o espaço para a opinião - escrita ou não. Em menos de um segundo sua opinião pode ser "curti" ou "não curti".

Há um tempo quase não era clicado o tal do "não curti". Acontece que, de um tempo para cá, em todas as crônicas ele é acionado, e a opinião do leitor torna-se pública.

Conheço muitos blogs que não têm o tal "não curti". Acredito que o autor, nestes casos, não dá a opção ao seu leitor de não gostar dos escritos.

Este não é o meu caso. Aqui pode-se gostar ou não, como também é permitido comentar anonimamente. Ainda não cheguei ao ponto de recusar opiniões contrárias. Ainda não cheguei ao ponto de "obrigar" meus leitores a me amar e serem favoráveis a tudo o que escrevo.

Observando os fatos cheguei a um ponto interessante. O curioso caso do não curti está ligado diretamente a minha vida pessoal. E como bom curioso que sou, chequei os registros e cheguei ao IP do destinatário do clique.

Sua identidade será preservada - pelo menos até a última linha. Até porque se eu falar agora, você não chegará ao final.

Pois bem, descobri a conexão e o sistema operacional deste leitor que entra aqui, fica pouco tempo - talvez o necessário para clicar "não curti" - e sai. Faz o caminho inverso ao Facebook, uma de suas maiores ocupações virtuais.

Já sei que vem direto a Mina do Cara. Frequenta minha vida - escrita - e não curte mais o que escrevo. Esta pessoa muitas vezes já curtiu e até comentou. Sorriu e chorou por aqui também.

Fico pensando: por que acha que clicando o curioso "não curti" esta pessoa acredita estar me "cutucando"? Por que não comenta como anônimo, caro leitor Fulano de Tal?

6 comentários:

Andréa Franco disse...

quer dizer que vc ganhou um stalker descontente? é o ônus da fama!

2edoissao5 disse...

tem gente que é assim mesmo, se veste ou reveste no anonimato

Bandys disse...

Anonimato é falta de coragem.

Só da a cara pra bater quem é no minimo corajoso.

Beijos Mina.
Boa noite

Mina Cara disse...

Andréa, pelo menos eu posso dizer que tenho um fã... ;)
Beijos
__

2 e 2, não condeno e não critico. Cada um faz o que pode...
Beijos
__

Bandys, é assim mesmo...
Beijos

__

Galera, a disputa entre curtir e não curtir está boa! Vamos que vamos que o amor da Mina do Cara por vocês só cresce!

Anônimo disse...

professor quero muito entrar em contato com vc pois estou com tantas sladades meu facebook msn e orkut é arymorena@live.com

Anônimo disse...

o professor sou eu ariana que vc deu aula no colegio estadual klber pacheco de oliveira .quero te falar que a saldades é grande de mais ..quero que vc saiba que o senho marcou minha vida que quero te ver para poder te dizer como foi bom ter um querido professor como o senhor bjs me add ai em algum lugar FACEBOOK,MSN,ORKUT ,É ARYMORENA@LIVE.COM Ñ ESQUECE POR FAVOR