22 de dez de 2010

Carta ao Senhor Presidente da República

Graças a um jovem bom moço, que escreve cartas aqui na praça da cidade, posso me comunicar com você. (Digo você porque não tenho por que chamar um homem de Vossa Excelência se este homem rouba e deixa muitos outros roubarem.) Eu não sei escrever e nem sei usar os verbos bonitos, como esse moço aqui sabe, então se tiver um erro ou outro na minha carta é culpa minha, e não do moço.


Eu acreditava que você seria um bom presidente. Votei no senhor, convenci meus amigos do boteco a votarem no senhor, fiz apostas, colei adesivos, cartazes, usei camisas, bonés, e em troca o que eu recebo? Nada! Não fizeram o esgoto que prometeram pra nossa favela, a comunidade precisa de água encanada, as crianças não vão à escola, pois não têm professor, os jovens ficam nas ruas, sem empregos, soltos.

Eu não posso mais trabalhar. Estou velho, e minha aposentadoria é miserável. Tenho vergonha de falar isso, mas falo. Preciso falar! Cansei de ver na televisão roubos, fraudes, desvios, acusações, escutas telefônicas, tudo mais para provar que deputados, vereadores, prefeitos, juízes, advogados, e mais lá o que for, estão roubando do povo! É isso mesmo, roubando! São ladrões! E o presidente convive com ladrões! Eu também convivo com ladrões, mas não porque quero!

Sinto uma enorme vergonha por estar na praça pedindo a um jovem que escreve cartas de amor para casais apaixonados escrever esta porcaria de carta. Sei que não lerá. Mas preciso falar! Tem ideia do que é ser um velho como eu? Sem emprego, analfabeto, com quatro filhos desempregados, uma filha prostituta (nunca assumi isso!), uma esposa que trabalha em casa de madame como doméstica, um neto. Sabe o que é isso?

Sabe Presidente, tenho muita vontade de dar uma surra no senhor. É feio dizer isso, mas é verdade! Eu não posso dizer aqui o que deve ser feito no País, não sei também. Sei que você também não sabe. Se sabe não faz. E por que não faz? Não precisa responder, eu sei. (Que vontade de meter a mão na sua cara!) Tem ideia do que estou passando aqui, nesse banco de praça, em frente a um jovem que escreve bonito o que eu falo tudo errado, chorando de raiva, com muita vontade de matar um filho-da-puta-ladrão-ordinário? Tem ideia do que é isso? Atrás de mim tem mais cinco ou seis pessoas, esperando pra declarar seu amor.

Vou terminar minha carta. Não posso mais tomar o tempo deste jovem que nem irá cobrar de mim (que humilhação!). Veja, Presidente, até este jovem tem pena de um velho fodido como eu. E você, têm pena de alguém? Não sente vergonha? Não sente dor ao ver pessoas como eu? Não pensa que poderia ser você, seu filho, seu amigo, aliás, você tem amigos?

Com muita raiva, vontade de meter a mão na sua cara, estrangulá-lo, esquartejá-lo...


Zé Ninguém

27 comentários:

Cáh disse...

poderia ser um abaixo assinado, não?

rs


Um beijo!

Milene disse...

No meu blog, há um tempo, escrevi também uma carta ao moço molusco... Ia até te trazer o link, mas deu uma preguicinha... Adoraria ficar e te seguir, achei massa aqui. Mas meu PC e/ou internet não me permitem ver meus seguidores nem a opção de seguir o povo. Snif...

Mas voltare... Tu deixa?
Beijo!

Anônimo disse...

Muito bom seu blog. Viva a "mina do cara".

Lari Medeiros disse...

Viva a "mina do cara". [2]

A Mina do cara! disse...

Cah, poderia...
e você assinaria?
um beijo
___

Milene, se eu deixo? A Mina do Cara está de portas abertas!
um beijo
__

ANônimo, valeu!

__

Lari, viva a Mina do Cara!
um beijo


___

E pra você que leu e não comentou, um beijo e um abraço do Cara por trás da Mina do Cara!

Lembre-se: A Mina do Cara te ama!

♥ Pri - NSNL ♥ disse...

feliz nataaaal!!!

A Mina do cara! disse...

Pri, obrigado e igualmente!
um beijo

so sad disse...

olha, permita-me discordar.
nada esta perfeito, eu me decepcionei com muitas coisas, mas vi de perto uma melhoria nas vidas de pessoas que trabalham comigo, e nas estradas que viajo.
ainda se tem muito a fazer, sim, mas muitos hoje tem sua vida, sua casa, uma pequena renda, e isso é um começo.

beijos!

A Mina do cara! disse...

So Sad, pode discordar sempre!
Um ótimo ano de 2011 pra você!
um beijo!

tonhOliveira disse...



Caro CARA da 'mina'.

"Tapa na cara do CARA não adianta".

Já que ELE lá, não LULAlerá...
aproveita e manda uma para a MINA DILMA do CARA LÁ ou du CARALHO!

Ah! ah! ah! ah!

Muito BOM,
este PAÍS é uma "Grande Central do BRASIL".

E vou te dar um toque,
vai continuar sendo...

Abra...São! (saudável)

Rossana disse...

rsrsrs!
Gostei do teu blog Cara!
Ja sei ja sei a mina do cara tbem me ama!rsrsrs!
Bj

Alline disse...

Minha humilde opinião é de que esse que está saindo deveria ter investido um pouco da grana que emprestou ao Hugo e outros em educação básica e saúde. Isso faz falta para a população, não acha?
Ou será que não é importante ter um povo que saiba ler as notícias no jornal e discutir o que se passa no país?

Cheguei tarde, mas curti o post.

Beeeeeeijo

Por que você faz poema? disse...

Adeus, ano novo!

Regina Rozenbaum disse...

UAU!!!Quanto tempo né? Mas ainda em tempo nesse 2010...
Que façamos no ano que se inicia 365 novas oportunidades...
Que a coragem não nos falte para retomar nossos sonhos...
Que a vontade de amar os concretize em instantes de felicidade!
Beijuuss iluminados n.c.

O Divã nosso de cada dia

Ju Fuzetto disse...

Adoro seu jeito de descrever as coisas...

Que 2011 venha lindo e cheio de Graça!!

beijo pra vc!

A Mina do cara! disse...

Tonho, um grande abraço!
__

Rossana, ainda bem que sabe que a Mina do Cara te ama!
um beijo
__

Alline, não chegou tão tarde assim...
um beijo
__

Por que você faz poemas, um abraço.
__

Regina, desejo a você tudo de bom também!
um beijo e não suma hein...
__

Ju, valeu demais!
um beijo.

____

E pra você que leu e não comentou, um beijo e um abraço do Cara por trás da Mina do Cara!

E vamos torcer para 2011 ser o ano da Mina do Cara e do Cara por trás dela - da própria - Mina do Cara!


"Vem ni mim 2011!!!"

Talita Oliveira disse...

Adorei o post. Feliz Ano Novo! Desejo-te toda a paz que houver no mundo!


Beijos!

Pólen Radioativo disse...

Querido, sabe o que mais dói no meu coração? É eu ter feito campanha, ter me emocionado quando ele ganhou a primeira eleição e, agora, ter que ver ele abraçando o velho Sarney e ter que ouvir ele chamar a Roseana de COMPANHEIRA... Quem aguenta???

Feliz Ano Novo!!!!
Muitos beijos,
Adriana.

P.S.: Sobre a festa de casamento... Imagina uma moça que só anda de chinela rasteira chegando numa festa com um vestido vermelho e um salto enorme... kkk Foi o maior frisson kkkk Depois te conto os detalhes...kkk

Grafite disse...

Querida, um ótimo fim de ano e tudo o que há de melhor no novo ano que está chegando!

beijo

Grafite disse...

Querida, um ótimo fim de ano e tudo o que há de melhor no novo ano que está chegando!

beijo

Grafite disse...

Querida, um ótimo fim de ano e tudo o que há de melhor no novo ano que está chegando!

beijo

Grafite disse...

Querida, um ótimo fim de ano e tudo o que há de melhor no novo ano que está chegando!

beijo

Grafite disse...

Querida, um ótimo fim de ano e tudo o que há de melhor no novo ano que está chegando!

beijo

Grafite disse...

Querida, um ótimo fim de ano e tudo o que há de melhor no novo ano que está chegando!

beijo

Ramiro Conceição disse...

Feliz Ano Novo,
Mina de SI MESMA!


BIG-BANG
by Ramiro Conceição


Construímos casas,
condomínios, partidos,
vielas, fábricas e favelas.
Construímos casamentos,
tormentos, fortalezas,
igrejas e testamentos.
Construímos aldeias,
ideias e cadeias.

Construímos o mundo...
Contudo tudo é nômade
qual o canto profundo
do Big-Bang ao fundo...

Saber pouco é danoso,
mas muito é perigoso!
Então o que saber
do quê que não se vê?
Ora, a Vida revelada!

Quem nasceu? Quem morreu?
Quem sofre? Quem ama? Quem clama?

Quem dorme com as flores na cama?
Quem tece foices à noite nas ramas?

Quem brilha? Quem cintila? Quem brinca?
Quem está ensolarado, num dia nublado?

Quem sabe que nunca saberá
pois sempre haverá um “MAS”

que muda tudo? Quem, mesmo
com medo - inventa o lúdico?!

José Vitor disse...

Este Zé ninguém pode não saber escrever, mas sabe derrubar presidentes (rsrs.)

abraços

A Mina do cara! disse...

VAleu galera!!

A Mina do Cara ama vocês! (E outras pessoas também, é claro!)

beijos e abraços!